Não à municipalização escolar! Por quê? Por casos como este… (Agrupamento de Escolas de Águeda vs Câmara Municipal) — ComRegras

Publico, conforme recebi… Cada um que tire as suas conclusões… *Negritos de minha autoria O objetivo deste meu contacto é dar a conhecer o impacto que a Municipalização/ Aproximação das escolas ao Município tem nos professores, nos alunos e nos encarregados de Educação. O Agrupamento do qual faço parte ( Agrupamento de Escolas de Águeda-…

via Não à municipalização escolar! Por quê? Por casos como este… (Agrupamento de Escolas de Águeda vs Câmara Municipal) — ComRegras

Blogosfera | A morte do Bravio — ComRegras

Quem não conhece, devia conhecer, o Luís Costa é professor e tem uma capacidade para a escrita acima da média. É o autor do Bravio, um blogue com muita qualidade onde os seus “uivos” fazem-me refletir e analisar de outro prisma aquilo que para mim parecia claro. Os seus textos vêm muitas vezes acompanhados de…

via Blogosfera | A morte do Bravio — ComRegras

Provas de aferição do 2º ano

2.º ano [pdf]

A avaliação dos alunos em prova (observação, registo e classificação) é feita presencialmente por uma equipa de professores avaliadores, preferencialmente do agrupamento, que, no caso da prova de Expressões Físico-Motoras, integra professores do 1.o ciclo e professores de Educação Física e que, no caso da prova de Expressões Artísticas, integra um professor do 1.o ciclo e professores de Educação Musical, de Educação Visual ou de Educação Tecnológica.

comentário: A preocupação de que alguns alunos vão ser avaliados em disciplinas que não são lecionadas, para mim é inferior a irem aferir a capacidade de alunos, que não lendo irão deixar resmas de papel em branco. A minha luta é ir remediando lacunas graves de aprendizagem, motivando alunos a obter a difícil capacidade da leitura e da escrita.

Opinião – Ana Rodrigues Martins

Reflexão antes de recolher:
Nos últimos anos não há porcaria nenhuma que venha da 5 de Outubro que não achincalhe mais um bocadinho os professores do 1° ciclo!
Desta feita as aferições do 2° ano a expressões… Já não basta a imbecilidade da medida (aferir os conhecimentos de meninos de sete anos a música e educação física…), temos novo atestado de menoridade aos professores do 1°ciclo: Nas provas de aferição vão ter que ser vigiados por professores a sério, daqueles de música e de ginástica… Não vão os analfabetos dos do 1° ciclo dizer que o menino canta afinado e ser tudo mentira… Ou dizerem que ele faz a espargata e afinal nem ao pé cochinho se aguenta…

wpid-img-20140624-wa0003