Contagem das faltas por doença

Como é de meu hábito, ontem à noite fui verificar ‘as novidades do dia’, publicadas nos Blogues relacionados com a Educação. Entusiasmei-me de imediato com o título “ Reposta a Contagem das Faltas Por Doença”. Para a minha pessoa, não tem sido de grande importância a não contagem desse tempo de serviço, porque dela só…

via Contagem das Faltas por Doença | Mais um “Erro de Perceção”? — ComRegras

Anúncios

Professores vão ter de trabalhar em conjunto. — ComRegras

O título é provocatório e baseia-se numa opinião pessoal que a articulação existente nas escolas é meramente retórica e que permanece num papel muito bonito criado em conselho de turma, muitas vezes em formato copy paste. A verdade é que os professores estão formatados em disciplinas e conteúdos, numa postura muito umbiguista. É uma característica, não…

via Professores vão ter de trabalhar em conjunto. — ComRegras

No meu caso pessoal não tenho feito outra coisa nos últimos meses.

José Carlos Campos

Escreve sobre o passado e o futuro do DOAL.

…Continuando na mesma senda deste DOAL, são publicados o 7/2013; 6/2014; 10-A/2015) mantendo-se o artigo 2.º, ponto 1, alínea b), ou seja continuou este ato discriminatório e os professores do 1.º Ciclo viram-lhes sonegar o intervalo.

…houve o cuidado de valorizar o Diretor de Turma com a atribuição de 4 horas. Para o exercício dessa mesma função não se verificou equidade em relação aos Professores do 1.º CEB e Educadores de Infância.

JCCampos

Será no ano 2017 que o intervalo é reposto na componente letivo e será que vão ter em atenção o esforço do professor Titular na direção da turma? Seria justo para os que se dedicam aos alunos muito para além das horas letivas institucionais.

Haverá sobrediagnóstico dos alunos com Necessidades Educativas Especiais?

Nos últimos anos assistimos a um boom da Educação Especial, é cada vez mais raro encontrar turmas sem alunos com necessidades educativas especiais e os colegas professores são cada vez em maior número. A inclusão veio para ficar, mas como já disse no passado, a inclusão foi imposta à escola pública sem que tivessem sido dadas…

via Haverá sobrediagnóstico dos alunos com Necessidades Educativas Especiais? — ComRegras

Aritmética é um mistério para mim

Há quem diga por aí que as novas medidas vão reduzir o número de alunos que muitos professores têm, pois assim chegam a ter 11 turmas, quando a disciplina só tem 2 tempo lectivos semanais (90 ou 100 minutos, conforme a “autonomia”, ou seja 11×2=22 tempos), e é uma coisa impossível. Não podia estar mais de acordo. […]

via A Aritmética é um Mistério para Mim — O Meu Quintal

Uma turma normal no primeiro ciclo com 24 alunos era aceitável. Já com 26 o tempo atribuído a alunos com dificuldades é reduzido, os problemas de indisciplina são mais prováveis.

Aumentaram 30min diários aos professores do primeiro ciclo, aumentaram em média 2 alunos por turma, atribuíram turmas com 2,3 e mais anos de escolaridade, e mesmo assim continuam calados?

Reforma dos professores aos 40 anos de serviço.

Há muito que se fala na reforma dos professores, o objetivo de reformá-los com 36 anos de serviço não passará de uma miragem. Nos bastidores, o número 40 vem frequentemente à baila e as palavras de António Costa hoje no parlamento, mostram que existe abertura para uma reforma aos 40 anos de serviço com uma penalização bastante…

via Reforma dos professores aos 40 anos de serviço. — ComRegras

Simulação grosseira

https://guinote.wordpress.com/2017/02/22/o-poder-da-educacao

Municipalização

Mário Nogueira ameaça de forma velada com uma mobilização tardia dos docentes que, a haver, será dos primeiros a querer domesticar quando receber as devidas ordens da hierarquia da geringonça. Até porque a coisa era há muito sabida, foi aprovada de forma ordeira e o grande lutador só se chega à frente para não dizer que ficou completamente calado.

O poder da Educação é uma miragem e o poder na Educação já mudou. Mário Nogueira passou a fazer parte do establishment negocial responsável.

Do baú dos sempre-em-pé saiu o homem novo!

Quando vi a apresentação do Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, lembrei-me do primeiro-ministro mais divertido da época democrática, de sua graça Pinheiro de Azevedo, e da resposta vernácula que deu a propósito do sequestro de que foi vítima. Não a escrevo, por decoro. Contenho-me para não a soletrar como contributo único que o perfil merece, em sede da discussão pública que ora decorre. Pinheiro de Azevedo imaginava-se rodeado de gonçalvistas. Eu sinto-me sequestrado por pedabobos que querem redesenhar a realidade. Falo para si, secretário de Estado João Costa, que o seu ministro limitou-se a saltar para o estribo do comboio em movimento.
Resultado de imagem

Carta aberta aos conselhos gerais: sejam democratas! Não reconduzam diretores!

Este ano vai discutir-se bastante a questão da democracia nas escolas. Há propostas em discussão no parlamento, secundadas por ideias dos sindicatos, para mudar o estado cadavérico a que a democracia escolar chegou. Podemos teorizar imenso sobre democracia, mas, mesmo na sua forma mais atómica e depurada, democracia é voto, democracia são eleições. O debate…

via Carta aberta aos conselhos gerais: sejam democratas! Não reconduzam diretores! (I) — ComRegras

O cansaço

É o maior inimigo do discernimento. Da lucidez. Da capacidade de decidir de forma rápida, justa, ponderada. Os imbecis que têm governado a nossa Educação (de forma directa ou com fios) parece que discordam ou então pensam que o quotidiano alheio é igual ao seu, de condutor ao peito e secretária prestimosa sempre à distância […]

via O Cansaço — O Meu Quintal