Criancas do 1ºciclo trabalham mais do que os adultos

dn.pt/portugal/interior/criancas-do-1-ciclo-trabalham-mais-do-que-os-adultos

“Muitas crianças portuguesas entre os seis e os dez anos trabalham como alunas tanto ou mais do que os adultos, com oito horas diárias na escola a que muitas vezes acrescem trabalhos de casa “repetitivos e inúteis”

comentário: Trabalham os alunos obedientes e formatados para estar das 8h às 19h na escola: aulas, AEC e ATL. Quanto aos outros, são fontes de conflito, de desobediência aos adultos e perturbam toda a comunidade escolar.

A indisciplina não é pior porque temos docentes de grande bravura. As dificuldades de aprendizagem não são maiores porque os professores trabalham diariamente para colmatar esses obstáculos.” Gonçalo Gonçalves em comregras.com/a-coragem-de-uma-mascara/

H5n1 num comentário certeiro

guinote.wordpress.com/2017/03/11/regresso-ao-futuro-1/

“A escola é cada vez menos importante no conjunto dos meios de controlo e enquadramento dos seres humanos no mercado global. Por tabela, os professores também perderam a sua relevância para uma sociedade que se quer flexível e sem perspectivas de criar mobilidade social através dos estudos e/ou qualificações académicas. A condição de docente tenderá a decair para a de entertainer com laivos de animador de tempos mortos (ver o brilhante teatro no Chapitô sobre este tema para os mais velhos..). O Dr Google é o melhor professor e o mais adequado aos tempos da pós verdade. Nada de novo, portanto, a ocidente…😎

transferir

 

Blackout no ministério – Com Regras

Depois da notícia do Público Português e Matemática não terão menos horas, garante ministério e do ComRegras ter apontado algumas das contradições no discurso da Tutela –Português e Matemática não vão perder horas. Afinal, quem manda no Ministério de Educação?,- agora foi o Expresso a fazer o mesmo exercício. A diferença é que o Expresso quis saber o porquê…

via Ministério de Educação entra em blackout. — ComRegras