Aulas Analógicas

Aquelas em que não há rede disponível, net ou sequer computador para aceder a conteúdos digitais. São momentos que nos sublinham duas evidências, paradoxais mas concomitantes:

  • As aulas já são hoje, em regra, muito diferentes das de outros tempos, por muito que algumas luminárias repitam tantas vezes o contrário que quase nos convencem disso.
  • Seja como for, o elemento humano não é substituível na Educação por nenhum outro, porque o acesso mecânico à informação não chega sem o devido enquadramento.

Fonte: Aulas Analógicas

Cansaço partilhado

As aulas prosseguem sem a frescura de outros dias. O cansaço de alunos e professores começa a fazer-se sentir.

Com extensos programas e sem tréguas para a necessária consolidação, alguns alunos desligam-se da atenção devida à aula, outros regridem na aprendizagem, e os professores desesperam. As bases estruturantes ficam comprometidas, para os alunos com mais dificuldades de aprendizagem.

Surgem os relatórios médicos, que integram cada vez mais alunos na Educação Especial, e o desejo para os professores com turmas difíceis, em especial as com vários anos de escolaridade, ou com alunos de comportamento desregulado, que o ano escolar chegue rapidamente ao fim.

snews[1]