A Quem Interessar

Será a nova Bíblia a breve prazo.

PARA A CONSTRUÇÃO DE APRENDIZAGENS ESSENCIAIS BASEADAS NO PERFIL DOS ALUNOS

As autoras andam nisto desde que há memória. Nem vale a pena ir em busca do historial da sua presença nestes meandros e muito menos reler o que produziram década após década sobre isto, sendo que – acho mal! – acho que nunca sublinharam devidamente o aspecto “holístico” disto tudo.

As grelhas (nada holísticas) estão de volta (alguma vez desapareceram?)…

Fonte: A Quem Interessar

Em Bom Português…

O Meu Quintal

… chama-se a isto c@g@r sentenças sem parar.

Um dos erros mais evidentes nos últimos anos é o de ter governantes (e cortesãos béu-béu) na área da Educação directamente ligados a lobbys académicos e/ou disciplinares. É mau se um professor não superior for ministro, mas já é bom se for alguém com interesse directo numa das áreas curriculares. O caso de Nuno Crato com a Matemática foi evidente. Agora é – de novo – o caso do Português. Apesar de ter sido delegado da disciplina (2º ciclo) nuns 5 anos dos últimos 10 (há cerca de uma década levei com o rai’sparta da tlebs em cima) já perdi a conta às alterações que temos sofrido de forma directa ou indirecta com a alteração de programas, metas, planos, referenciais, terminologias, ortografias e agora com as coisas essenciais. Quase todos os anos é necessário adaptar planificações e nem vale a pena tentar…

View original post mais 218 palavras