E, Já Agora, Ceguinho, Retrospectivamente… — O Meu Quintal

Carlos César faz um mea culpa tardio. Fiz-se “envergonhado”, o pobre coitado, que parece um noivo enganado, uma década depois do casório com festarola e foguetório em grande estilo. Vale mais do que nada mas é curto e serve principalmente para que não se pergunte se, na altura, quem estava dentro da máquina não deu por nada, não viu nada, não ouviu nada, não desconfiou de nada. Coisas que se viam à légua. […]

Foram assim tão ingénuos? Ou o poder tudo vale, tudo apaga, tudo justifica? Que me desculpem, mas não acredito que de nada soubessem ou suspeitassem. A minha descrença estende-se a variados senadores da comunicação social, bem como a operacionais que, por certo, não achariam que as coisas caíam do céu.

via E, Já Agora, Ceguinho, Retrospectivamente… — O Meu Quintal

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s