AEC no blogue do ArLindo

divulgacao-tempo-de-servico-e-prioridades-nas-aec

Assim, o  Ministério da Educação comete erro crasso ao dar indicações às escolas, no manual de instruções de validação do concurso docente(pág. 22), para não considerar o tempo de serviço prestado nas AEC( Atividades de Enriquecimento Curricular), como tempo de serviço que releva para segunda prioridade, empurrando milhares de docentes que têm vindo a servir as necessidades da escola pública nos últimos anos, lecionando nas escolas do 1ºciclo de forma precária, para a 3ºprioridade, que representa um despedimento coletivo, em massa.  Isto é muito grave, pois estes docentes NUNCA mais poderão trabalhar na escola pública! ISTO É MUITO GRAVE!

cropped-novobanner

O estado da União

A quinze  dias da manifestação, que deveria juntar largos milhares de professores, tal o descontentamento geral? Esperando que os manifestantes não se chamem todos “Mário ou João”.

A quinze dias de criar um embaraço à Assembleia da República, com concretização das 20000 assinaturas do ILC? Esperando que os deputados não se chamem todos “Centeno”.

A quinze dias (é uma força de expressão) de levarem à Assembleia da República a proposta de legalização de uma “Ordem dos Professores” Esperando que os deputados não sejam todos da mesma opinião. Mesmo sabendo que do PS, PCP e BE dificilmente levam alguma coisa.

Entretanto um ministro da Educação desgastado (com a greve de sexta feira, entre outras), mas com  pouco sexto sentido vai ao Estoril Open aplaudir um português brilhante (mas adotado por Barcelona) e é assobiado.  Já o presidente Marcelo   tira mais um coelho da cartola e sem precisar reforça a sua popularidade.

27654722_10208053072123432_4848963633974430546_n

 

Em Boa Verdade, Não Está nos Dez Mandamentos…

O Meu Quintal

… aquele que postularia que “não ganharás pela porta do cavalo uma tença do patrão privado enquanto ocupares cargo de governante em área directa ligada a interesses desse mesmo patrão”.

Adivinhem que escreveu isto, ontem no Expresso. Uma pista… em tempos já foi alguém visto como justiceiro contra os desmandos dos políticos. Já discordei dele em muitas ocasiões, mas vê-lo a escrever, preto no branco, que se calhar a coisa nem é reprovável porque outros já colocaram a mão no pote, não esperava.

MST 5MAi18

View original post