Ministro da Educação confirma que tempo de serviço docente congelado não vai ser contado

ministro-da-educação-confirma-que-tempo-de-serviço-docente-congelado-não-vai-ser-contado

tiago-rodrigues

O ministro confia na divisão da classe docente, no poder das direções de agrupamentos, nas leis que impedem danos maiores, para as greves terem apenas efeito “tigre de papel”.

A dispersão de forças sindicais e a fraca ligação dos dirigentes às escolas é uma arma com que o ministro conta para ganhar esta guerra.

Pretendem ainda corrigir as incompreensíveis ultrapassagens, afim de evitarem danos maiores em tribunal, e precisam de mais verbas.

Esta atitude de retrocesso negocial pretende culpabilizar/desafiar os sindicatos e confiar na sua superioridade de patrões.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s