Os professores andam fartos é de ser roubados

Será só o sentido de voto ou abstenção suficiente?

Os sindicatos ameaçam, mas será que passará disso?

“Podemos estar muito perto de uma solução mas, se o governo insistir muito na sua posição, e daí não sair, podemos também estar perante um ano letivo estragado até ao fim”, avisa Mário Nogueira, secretário-geral da Federação Nacional dos Professores. “Se chegarmos a janeiro e percebermos que toda a gente, incluindo professores, vai recuperar integralmente o tempo de serviço menos os professores que estão em Portugal continental, não iremos deixar que isso aconteça.”



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s