Uma Manifestação Ordeira E Respeitadora

O Meu Quintal

Pelo que me contam, como o S.TO.P. não faz parte da Plataforma, teve de desfilar no fim da manifestação de ontem e com ele algum pessoal que não agarrou nas bandeirinhas certas. Com a polícia (em regra gente simpática mas que segue ordens) logo atrás, a fechar, Faz lembrar aqueles cortejos do Antigo Regime com o monarca e família a abrirem e os mendigos, aleijados e senhoras de vida alegre a irem lá ao fundo para não pegarem doenças à gente de bem.  Pensando bem é mais seguro e corre-se menos risco de perdigoto ortodoxo.

Ovelhas

(ainda há quem ande a discutir números e mesmo quem ache que esta foi a mais grandiosa de todas porque – proporcionalmente – ultrapassaria a de há 11 anos; pessoalmente, interessam-me mais o impacto e a eficácia… )

View original post

Que espetacular jornada de luta. Só fizeram falta os que lá estiveram – Ana Pires

NÃO concordo! TODOS fazemos FALTA : os que FORAM, os que gostariam de ter ido e NÃO puderam ir, os que NÃO foram porque não acreditam na luta por cansaço, e até os que NÃO foram porque nunca foram… NÓS, PROFESSORES, PRECISAMOS de TODOS e os sindicatos devem ser os primeiros a ter a PREOCUPAÇÃO e a OBRIGAÇÃO de fomentar a UNIÃO! PARABÉNS a TODOS os professores…” Regina Machado

Uma manisfestação que deixa a sensação do dever cumprido e alivia a frustração

Só em 6 de junho?

Entretanto manisfesta-se um grupinho a 16 de abril na assembleia
Do resultado da apreciação parlamentar ficam pendentes novas ações de protesto no 3.º período escolar e período de exames e avaliações: convocação de nova manifestação; greves de um dia em diversas semanas por regiões ; greves coincidentes com dias de exame e provas finais; podem avançar se os partidos não se entenderem numa solução que vá ao encontro das reivindicações dos professores, (o ano letivo chega ao fim) podendo mesmo a luta estender-se ao arranque do próximo ano letivo…

Professores ameaçam com greve às avaliações a partir de 6 de junho

Além desta manifestação nacional, os sindicatos dos professores afirmaram ainda estar dispostos a nova manifestação nacional a 05 de outubro, dia Mundial do Professor que este ano coincide com a véspera das eleições legislativas.

ADMITE QUE O PROBLEMA FICARÁ POR RESOLVER?