Requerimento para fasear a progressão aparece nas mãos dos professores

A necessidade de 50 horas de formação (ou 25 horas para o 5.º escalão) com percentagem mínima (50%) de componente científica e pedagógica para progredir para o próximo escalão, num espaço de tempo tão curto é algo difícil de concretizar, e deveria ser tomado em consideração pelo Ministério da Educação para eventual aprovação de um regime de exceção.

Todos nós sabemos que, falhando com um dos requisitos, a progressão para o escalão fica suspensa, até que os mesmos sejam concretizados… Não se esqueçam que de uma forma genérica as progressões operam-se na data em que o docente perfaz o tempo de serviço no escalão, mas desde que tenha cumprido todos os requisitos, sendo devido o direito à remuneração a partir do 1.º dia do mês subsequente. Profs Lusos

Início do Próximo Ano Letivo Entre 10 e 13 de Setembro

De acordo com declarações do Ministro da Educação o próximo ano letivo vai arrancar entre 10 e 13 de setembro de 2019.

IMAGEM do blog ArLindo

Os diretores escolares aguardam a publicação do Despacho de Organização do Ano Letivo, onde esperam encontrar a possibilidade de poder optar por dois semestres ou três períodos de aulas.

Justiça, Equidade, Mobilização, Abstenção, Educação

O Meu Quintal

Temos uma classe política que pode ser genial quando pensa lá em casa, mas que quando abre a boca é um descalabro. Anda tudo preocupado com a abstenção, mas não a estudaram e fazem assim umas declarações a roçar a imbecilidade analítica ou o voluntarismo de trazer por casa, Veja-se o ME a querer “agir urgentemente” nas escolas por causa da abstenção, sem sequer ter um qualquer estudo que demonstre que a abstenção é maior entre os jovens. Ora… para começar, para convencer os jovens de que a democracia funciona a partir das escolas, conviria que o funcionamento das escolas não fosse a primeira prova directa de que a democracia é uma ilusão e um simulacro. Que o esforço compensa, que o mérito não esbarra em ideologias pseudo-igualitárias e que há um pingo de justiça, transparência e “equidade” na lógica organizacional do sistema educativo. El@s percebem depressa que é tudo…

View original post mais 86 palavras

A alimentação nas escolas vai mudar — Blog DeAr Lindo

Lei que obriga cantinas a fornecer alimentação sustentável foi publicada

“Nos refeitórios e cantinas dos estabelecimentos de ensino, deve ainda ser dada preferência à aquisição de produtos que promovam uma alimentação e nutrição adequadas ou a difusão de informação quanto à realidade produtiva local”, no que respeita ao conhecimento dos produtos e sua origem, lê-se no diploma.

O PCP não sabe fazer propaganda? — A Estátua de Sal

Já tinha reparado na aversão às redes sociais de alguns membros do partido. Depois de ler o texto do link acima fica mais claro o motivo. No entanto a promoção mediática na comunicação social de algumas figuras tem sido feita com sucesso. Insuficiente para o crescimento do partido que deverá rever a sua estratégia.

Continuam a fechar escolas por esse Portugal afora… — Blog DeAr Lindo

Todos os anos por esta altura se assiste ao mesmo, o encerramento de mais umas escolas.

A verdade é que temos regiões no país que estão desertificadas, que não têm crianças suficientes para justificar a despesa de uma escola aberta. Pelo menos é assim que os nossos governantes pensam, para eles tudo se resume a cifrões.

Manter duas escolas abertas com 10 e 14 alunos, duas educadoras duas assistentes operacionais e duas  a meio tempo, manutenção de dois edifícios, e despesas inerentes ao funcionamento é um preço elevado para tão poucas crianças. Pelo menos é assim que pensam os donos disto tudo…

Câmara de Serpa contra fecho de escolas no concelho

ENCERRAMENTO DE JARDINS DE INFÂNCIA CONTESTADO POR AUTARCAS EM LAMEGO

É preciso agir urgentemente junto dos jovens para combater abstenção

Palavras do ministro da Educação à lusa e publicadas no dn

Lisboa, 28 mai 2019 (Lusa) — O ministro da Educação defendeu hoje que é preciso “agir urgentemente” junto dos jovens tendo em conta a abstenção nas eleições europeias que, em Portugal, rondou os 70%.

“Muitos milhares de cidadãos foram votar, mas muitos outros milhares — mais ainda — abdicaram de o fazer”, sublinhou o ministro, Tiago Brandão Rodrigues, durante a Conferência Internacional “Educação, Cidadania, Mundo. Que escola para que sociedade?”, que está a decorrer no Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa.

Mas que grande banhada – (Por Estátua de Sal, 26/05/2019)

Cartoon in Blog 77 Colinas

Acabaram de surgir as sondagens sobre o resultado das eleições europeias, e os resultados até são agradáveis.

A abstenção foi elevada como se esperava. O PS ganhou “por poucochinho”, como convinha para que não tenha tentações de virar à direita ou de se aliar aos direitolas.

O BE reforça nitidamente o seu peso eleitoral e o PCP mantém, mais coisa menos coisa, a sua importância nos actos europeus, tendo em conta que os três eurodeputados de 2014 foi um facto anormal.

O PSD esboroa-se e desfaz-se um pouco, mas a maior derrotada é Cristas que é ultrapassada pelo PAN. O apelo da Dra. Assunção às tias não surtiu efeito. As tias ficaram em casa ou foram para a praia. Coitada da megalómana Cristas que diz que é candidata a Primeira-Ministra. Por este andar não vai lá e só pode ser anedota essa ambição.

Os jovens, manifestando as suas preocupações com a ecologia, deram um apoio que poucos esperavam ao PAN. Muito bem. Vivam os animais e viva a Natureza que os partidos principais ignoram, não dando relevo às questões ambientais, para não afrontarem os grandes interesses económicos…

Ler, escrever, contar, respeitar: França volta ao básico na educação

Resgate das línguas clássicas no ensino está entre as novas prioridades do Governo francês

A escola francesa – fábrica de cidadãos, motor da meritocracia e pilar histórico da identidade da França republicana – volta ao básico. Ler, escrever, contar, respeitar. Estes são os fundamentos nos quais deverá se concentrar, de acordo com Jean-Michel Blanquer, ministro da Educação Nacional do Governo do presidente Emmanuel Macron. No ano e meio em que está no comando, Blanquer, que deu impulso à proibição de telefones celulares nas classes, também tem promovido o aprendizado de latim e grego.

Sondagens – europeias

Projeções das televisões: vitória do PS acima dos 30%. PAN e CDS taco a taco.

O PS vence com 30 a 34% e o PSD fica em segundo com entre 20% e 24%.

A seguir, o BE com valores entre 9% e 12%, depois a CDU (7% a 9%), o CDS (5% a 7%) e o PAN (4 a 6%).

https://www.dn.pt/poder/interior/afluencia-as-urnas-as-16h00-era-de-2337-10943010.html

PS- 9; PSD – 6; BE – 2; CDU – 2; CDS – 1; PAN -1

As tecnologias da informação e da comunicação na formação dos professores do 1º ciclo – Gorete Fonseca

Sinopse
A presente publicação materializa-se no campo das práticas de formação inicial e procura compreender em que medida a formação prepara profissionalmente os futuros professores para o uso das tecnologias no processo de ensino e de aprendizagem.
Partindo da inquestionável importância dos professores formadores, incluindo os cooperantes, Procurámos compreender: o que pensam sobre as potencialidades das TIC no ensino e na aprendizagem? Que práticas de formação concretizam com recurso às TIC? Que oportunidades disponibilizam aos futuros professores para observar, analisar e experienciar práticas com as TIC, quer no contexto da instituição de formação, quer no estágio? Que fatores constrangem o uso das TIC.

Disponibilidade: FNAC, BERTRAND, WOOK,
QUADROEGIZ.COM