Carlos Santos em tempo de natal

Na Checklist de Natal de qualquer professor, consta:

-Veres contabilizado o tempo de serviço que trabalhaste, garantirem-te uma aposentação enquanto ainda não estás totalmente senil e, finalmente, veres devidamente reconhecida a importância da profissão que desempenhas;

-Poderes deixar a pasta da escola no carro ou arrumada num armário fechado a cadeado e teres o sentimento sublime de deitares a chave fora (embora tenhas a noção de que daqui a pouco tempo tenhas de arrombar o cadeado, pois lembraste-te que há coisas a preparar antes de recomeçarem as aulas, o prazer de fazeres a chave voar para nenhures já ninguém te tira!);

-Num ritual de purificação, livrares-te de todos os Post-it e anotações e limpares a agenda;

  • Levando em consideração que ingerir alimentos enquanto trabalhavas, abordavas e tratavas de assuntos da escola e de alunos não é considerado repasto, comeres pelo menos uma refeição por dia descansado, irá ser um feito;

-Ficares acordado até depois da meia-noite… sem ser a trabalhar;

-Sentires o apogeu da felicidade humana por teres a possibilidade de ires à casa de banho sempre que te apetecer;

-Acordares de forma natural depois do sol se levantar, pois desligaste o despertador;

-Não reconhecendo em ti mesmo nenhum indício de senilidade, sentires uma inefávelfelicidade por estares desorientado e não saberes em que dia da semana estás;

-Não receberes mais emails da escola durante estes dias;

-Longe de ser impossível, verás que vestires o teu pijama pelo menos três dias seguidos será digno de registo;

-Veres as séries da Netflix sem adormeceres nem teres de andar sempre a repetir o mesmo episódio;

-Voltares a poder ter as tuas prioridades por ordem, como um ser humano normal: dormir, escutar o silêncio, respirar, comer (por esta ordem) e voltares a dormir e sonhares com o maravilhoso momento em que deitaste fora a tal chave e ignoraste o despertador;

Depois de teres saboreado uns fragmentos de liberdade, é possível que neste momento já tenhas a sensação de que voltaste a viver novamente.

-Mas é lá possível esquecer o maior de todos os desejos?

No teu lar, depois de verificarem que cumpriste a maior parte desta lista, irão poder comemorar o facto de finalmente teres sido devolvido à tua família.

Feliz Natal