A quase normalidade

Escola Portuguesa

Reabriram as aulas, como se esperava, na generalidade das escolas do país. Apesar dos indícios já evidentes de agravamento da pandemia, consequência das movimentações da época natalícia, não se julgou prudente adiar por uma ou duas semanas, como sucedeu noutros países, o recomeço das aulas presenciais.

Ainda assim, esta aparente normalidade no desenvolvimento do calendário escolar está a ser contrariada localmente: por indicação das autoridades de saúde, mais escolas do que se esperaria estão a iniciar o segundo período em regime não presencial. Não sei se a listagem, que extraí desta notícia é exaustiva. Mas será, seguramente, significativa…

Em Mangualde, no distrito de Viseu, perto de mil estudantes, do sétimo ao 12º. ano, vão ter aulas online, pelo menos esta semana. No distrito da Guarda, as aulas também serão à distância durante duas semanas e em dois concelhos: Pinhel e Mêda, municípios que têm vários casos de Covid-19…

View original post mais 211 palavras