Questionário das competências digitais

Escola Portuguesa

O “esquema conceptual”, que a pedagogia do século XXI não vai lá sem estes bonecos (des)inspiradores…

Nada disto é novo, especialmente interessante ou motivador. Há paletes de dinheiro europeu para gastar em torno da chamada “transição digital” e embora a parte de leão vá para as infraestruturas e os equipamentos, não faltará também para a habitual “formação”.

A este propósito, respondi hoje ao inquérito online que os centros de formação, cumprindo ordens superiores, enviaram aos professores. E irritei-me. Não tanto com as perguntas formuladas, mas sobretudo com a concepção do documento, que tem a pretensão de classificar o nível de competências digitais dos respondentes. Acrescentando, para cada resposta, um feedback que pretende instruir sobre a resposta certa e a atitude recomendável relativamente a cada item.

Respeitosamente, usei o email indicado para dar conta, ao “embaixador” do Plano no meu centro de formação, do meu protesto e das minhas discordâncias. O…

View original post mais 381 palavras