David Justino proclama a satisfação docente

Um painel a falar de professores sem um único professor.
Três ex-ministros a falar sobre o ministério de educação como se nunca lá tivessem estado. Pergunto: O que andaram a fazer?

E, cereja em cima do bolo, o Justino a dizer (a partir do minuto 1.10′ sensivelmente) que os professores deviam estar muito satisfeitos com o sistema de avaliação (ADD) porque não se manifestavam… Cruzes, credo!

Manuel em comentário: https://guinote.wordpress.com/2021/06/23/e-melhores-alunos-com-melhores-condicoes-em-casa/

Eduardo Jorge fez uma pergunta  no grupo Movimento de Professores em Monodocência

Eduardo Jorge fez uma pergunta  no grupo Movimento de Professores em Monodocência.

 Boa tarde!

Elucidem-me lá sobre uma coisa sff…aqui o meu vizinho (3° ciclo e secundário) está-me a dizer que as aulas dele acabam para a semana? Quer dizer, ficaram muito mais tempo em teletrabalho, têm menos horas letivas (sempre que saio e sempre que chego está em casa) que se vão reduzindo conforme a idade e ainda têm menos dias de aulas do que nós?!… Mas, isto é gozo ou quê?!LOLOLOLOOOOOL Falando um pouco mais a sério, aconselho os colegas a informarem-se sobre um movimento de docentes nos Estados Unidos, há uns anos atrás que não só atingiram os seus objetivos, como quando (lá como cá) os sindicatos desconvocaram a greve, embora não tivessem ainda atingido tudo aquilo que a classe exigia, continuaram à revelia das leis, das instituições governamentais e dos próprios sindicatos a fazer greve… conseguiram TUDO o que exigiam!!! TUDO E NÃO SÓ PARA ELES, COMO PARA OS FUNCIONÁRIOS DAS ESCOLAS!!!Inspirem-se colegas, com união TUDO é possível!!! NÓS, monodocentes, TEMOS O PODER DE CAUSAR GRANDE DISRUPÇÃO! Afinal, os nossos alunos são os únicos que não podem ficar sozinhos em casa.